Qual destas novas tendências de alimentos frescos já experimentou?

Geralmente é a primeira a saber das últimas tendências de alimentação saudável, mas tende a ser um pouco cética quando se trata de modas de alimentação passageiras. Olhámos para as tendências em voga este ano, e reduzimos a lista àquelas para as quais vale a pena guardar espaço no frigorífico.

Couve-galega

Rica em nutrientes, há anos que a couve-galega é uma firme favorita dos epicuristas preocupados com a saúde, embora só recentemente é que este vegetal de folhas verde escuras/roxas passou para primeiro plano. Considerada por alguns autores como a "rainha" dos verdes, a couve-galega é conhecida pelas suas qualidades nutritivas, apesar de ter poucas calorias. Tal como muitos vegetais crucíferos verde escuros, a couve pode ter um sabor amargo quando não é cozinhada corretamente. O segredo é fervê-la ou, se a servir numa salada, usar sumo de limão no seu molho para amaciar as folhas.

Leguminosas

As leguminosas são grãos de vagens de legumes. Algumas das mais conhecidas são as lentilhas, os grãos de soja, os amendoins, o feijão vermelho e o grão-de-bico. Ricas em fibra e hidratos de carbono complexos e com baixo teor de gorduras, as leguminosas podem ser incorporadas em qualquer tipo de pratos. Uma salada mista de feijões, por exemplo, não só é deliciosa, como irá dar-lhe energia para todo o dia. Ou pode criar um prato de chili picante com feijão vermelho cozido para o jantar! Tem uma receita com leguminosas preferida?

Algas

Sim, a sério! As algas são a tendência alimentar mais falada desta estação, sejam misturadas num batido verde ou usadas como salada de acompanhamento, contém altos níveis de iodo. Inspire-se na culinária japonesa, e use uma combinação de diferentes algas e sésamo para criar uma salada original e deliciosa.

Cozinha da "raiz-ao-talo"

Sendo uma consumidora ambientalmente consciente, você compreende a importância de não desperdiçar comida. Isto significa ser criativa com as sobras, e não simplesmente deitar fora os restos de alimentos. Aproveitar todas as partes das frutas e legumes que compra é chamado de cozinha da "raiz-ao-talo" [adaptado do inglês root-to-stalk], que se tornou popular pela mão da autora Tara Duggan, e é a oportunidade perfeita para ser inventiva na cozinha! Desafie-se a desperdiçar zero de produtos frescos, e vai descobrir o quanto consegue inovar com sobras: sopas, estufados, caldos, saladas e muito mais...

Infusões de água

Essencial para a sua saúde, mas às vezes um pouco insípida, a água constitui entre 50-75 % do corpo humano. A mais recente tendência combina este líquido vital com os seus frutos frescos, legumes e até ervas favoritas, para criar uma variedade de bebidas refrescantes e saborosas! Experimente uma infusão de manga e hortelã como um cocktail primaveril alternativo, ou uma combinação picante de pepino, limão e coentros para despertar logo pela manhã.

Quais destas tendências de alimentos frescos já experimentou? Tem mais alguma a adicionar à nossa lista?

Você também pode gostar